Frei Luís De Sousa

Frei Luís De SousaTive oportunidade de analisar esta obra durante o secund rio Foi das obras que causou me mais impacto na minha vida Lembro me de ter gostado imenso da hist ria que cheguei a reler algumas partes mais tarde Decidi que estava na hora de adquirir um exemplar desta obra que tocou me imenso e escolhi esta edi o da Guerra e Paz N o tenho palavras, eu consegui gostar ainda mais da hist ria Uma hist ria cheia de simbolismo, com um drama intenso, com um ritmo alucinante daquelas hist rias que torna se imposs vel esquecer Com personagens t o misteriosas, com segredos e com muitas hist rias para contar Um livro que mostra que n o podemos controlar tudo, que nem sempre corre como planeamos, e acima de tudo quando menos se espera a nossa vida pode mudar.Fre Lu s de Sousa n o apenas mais uma obra Recomendo e espero bem que continuem a estudar esta obra no secund rio, porque se assim n o fosse n o teria tido oportunidade de ficar a conhecer esta grande obra N o consigo decidir o que mais gostei neste livro, se foi o desenrolar da a o ou das personagens Ambos, na verdade tudo Falo muito bem da hist ria mas n o dou as cinco estrelas Verdade, n o darei as cinco estrelas por um nico e simples motivo Era bvio quem seria o misterioso Romeiro Achei muito bvio, que desconfiei desde do in cio Se tivessem explorado essa ideia de outra forma Mas n o deixou de causar tanto espanto, n o deixou de impressionar Leiam este livro, uma leitura que todos mas mesmo todos deveriam ler Um cl ssico com uma mensagem forte e cheia de simbolismos N o sei do que est o espera para ler este cl ssico. Frei Lu s de Sousa tot demasiado religioso e ainda h uma pontinha de Sebastianismo A melhor personagem, e disto n o tenho d vidas, a bact ria da tuberculose Adeus ou qualquer sauda o em voga no s culo XIX Enquadrada no famoso estilo cl ssico portugu s, sendo assim exacerbada de romantismo e trag dia culminar, esta pe a uma espl ndida m quina de sensa es antag nicas ou se gosta ridiculamente pela calamidade dram tica e emocional que a caracteriza ou se detesta e desespera ridiculamente pelos mesmos dois motivos.No meu caso, em primeiro lugar gostei de ler esta obra quanto mais n o seja para conhecer mais da literatura e do teatro portugu s Quanto ao dramatismo que lhe inerente pelo estilo, posso dizer que o final fez se um pouco, digamos, epif nico para o tipo de leitor que sou N o seria necess rio um acontecimento t o tr gico no seu sentido e simbolismo algo mais realisticamente poss vel faria um pouco mais de sentido e o simbolismo estaria l da mesma forma nesta parte por aqui me fico para evitar a den ncia da est ria Mas, estilos s o estilos e foram e ainda s o precisas obras como esta para se mudarem as coisas e trabalhar se precisamente sobre os sentidos e simbolismos na literatura e no teatro.Apenas tenho mais a dizer que um empreendimento positivo ler este Frei Lu s de Sousa Independentemente se vamos des gostando mais ou menos desta obra, inquestion vel que se trata de um cl ssico do romantismo portugu s em todos os seus aspetos, o que faz, desde logo, que valha a pena a sua leitura. Uma leitura que tive de fazer para Portugu s Gostei de uns pontos de outros nem tanto Ainda h muitas coisas que tenho a certeza que ficarei a perceber melhor quando a trabalhar mas mesmo assim, a tragedia presente na historia, especialmente no final da obra, deixou me um bocadinho a rir Foi algo t o repentino e t o dram tico j percebi o porqu do nome para este tipo de pe a que s me deu vontade de rir Gostei da escrita do autor e agora veremos se irei gostar mais quando a estudar Leitura obrigat ria para portugu s Demasiado dram tico, faz justi a ao t tulo do g nero. Tr gico Talvez fosse melhor se o espa o psicol gico fosse um pouco mais desenvolvido, para que houvesse uma maior identifica o com o audit rio e emo o Mas isso tamb m poderia ser conseguido na encena o e pelos restantes efeitos como a luz o claro escuro e a r pida mudan a de luminosidade seriam muito bvios para criar um efeito t trico, principalmente em algumas cenas e o som D vontade de ir ver o teatro, indubitavelmente Seria tamb m muito melhor se o reconhecimento tamb m se desse ao n vel do leitor, que infelizmente estava j viciado pelas introdu es do manual spoilerentas Frei Lu S De Sousa Cont M O Drama Que Se Abate Sobre A Fam Lia De Manuel De Sousa Coutinho E D Madalena De Vilhena As Apreens Es E Pressentimentos De Madalena De Que A Paz E A Felicidade Familiar Possam Estar Em Perigo Tornam Se Gradualmente Numa Realidade O Inc Ndio No Final Do Acto I Permite Uma Muta O Dos Acontecimentos E Precipita A Tens O Dram Tica E No Pal Cio Que Fora De D Jo O De Portugal, A Ac O Atinge O Seu Cl Max, Quer Pelas Recorda Es De Imagens E De Viv Ncias, Quer Pela Possibilidade Que D Ao Romeiro De Reconhecer A Sua Antiga Casa E De Se Identificar A Frei Jorge A maneira como as personagens interagem n o natural, tudo muito exagerado e, apesar de eu compreender que isso faz parte do movimento rom ntico, n o me agrada particularmente toda esta predomin ncia religiosa.O espa o psicol gico demasiado insignificante para o meu gosto se h aspetos que valorizo numa obra s o os comportamentos das personagens e a sua profundidade emocional, e aqui n o vi muito disso a falta de profundidade emocional est at disfar ada por todo este pandem nio sentimentalista exagerado, talking bout drama.E at estava a gostar mesmo bastante da personagem Maria t o inteligente, perspicaz e t o viva, mesmo sendo tuberculosa, prometia tanto com a sua vontade de mudar o mundo Mas a hist ria do Esconde o rosto no seio da m e morro, morro de vergonha Cai e fica morta no ch o decepcionante, que final t o indigno e n o que morreu mesmo Al m disso, patriotismo e nacionalismo n o s o sentimentos que me assistam.Gosto de drama, mas tamb m gosto que ele n o seja t o descabido.2.5 Gostei, mas n o nada por a al m Poetas e trovadores padecem todos da cabe a e um mal que se pega. O livro muito bom A pe a est bem escrita e h um pref cio que situa a obra no tempo e na vida do autor e que tamb m fala um pouco sobre o autor, a sua vida e as suas obras.N o gostei muito do final Os dois primeiros actos tiveram um desenrolar calmo e relativamente lento, mas achei o final muito apressado Penso que poderia estar melhor. Esta , provavelmente, a obra de Garrett que mais gostei Apesar de ser religioso e de raspar no sebastianismo, esta obra foi de f cil leitura e com uma hist ria envolvente Gostei de os press gios, os ideias de Maria e os medos de Madalena Apesar de j esperar aquele final numa obra dramatica daquele tempo, gostei bastante de como se idealizou.

Jo o Baptista da Silva Leit o de Almeida Garrett e mais tarde 1 Visconde de Almeida Garrett, Porto, 4 de fevereiro de 1799 Lisboa, 9 de dezembro de 1854 foi um escritor e dramaturgo rom ntico, orador, par do reino, ministro e secret rio de estado honor rio portugu s.Grande impulsionador do teatro em Portugal, uma das maiores figuras do romantismo portugu s, foi ele quem prop s a edifica o d

[KINDLE] ❀ Frei Luís De Sousa By Almeida Garrett – Uc0.info
  • Paperback
  • 180 pages
  • Frei Luís De Sousa
  • Almeida Garrett
  • 16 July 2017
  • 9789720301048

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *